Intercâmbio cultural com os residentes francófonos do Centro de Acolhimento para Imigrantes de São Paulo (CRAI) [fr]

No dia 3 de maio, por meio de seu Adido de cooperação para o francês Jean-Luc Puyau, o Consulado geral da França realizou uma atividade cultural destinada aos residentes francófonos do Centro de Referência e Acolhimento para Imigrantes de São Paulo (CRAI).

Coordenada pela assistente social Camila Luchini, e dando continuidade à “Semana da Francofonia” que acontece em março, mais de quarenta imigrantes puderam ouvir música francófona atual e conversar em sua língua materna - ou aprendida na escola.

O CRAI é administrado pelo Serviço franciscano de solidariedade que dispensa acolhida, cuidado, alimentação e convivência aos estrangeiros - em sua maioria angolanos e congoleses - que chegam a São Paulo sem possuir referência de moradia e emprego. Este centro, localizado na rua Japurá, 234 - Bela vista, tem a capacidade de acolher cento e dez pessoas para dormir, e oitenta para os atendimentos durante o dia. Em parceria com a Secretaria de direitos humanos e cidadania, oferece aos recém-chegados um serviço dedicado à regularização de documentação, intermediação de trabalho, orientação jurídica e formação profissional ou linguística.

PNG

publicado em 23/05/2016

início da página